domingo, 25 de outubro de 2009

Curso de Gestante - shantala

Sobre o curso de shantala, é muito gostoso. Ainda mais imaginando-me com a pequena nas pernas, sendo apertada e afofada de tudo quanto é jeito! hahahahaha
O mais importante é que não deve ser feita à noite, sabia? O horário recomendado é mais pela manhã, mas se não tiver jeito, o limite são as 18:00h! E ela somente pode ser feita em bebês a partir do 1º mês.
Mas porque Shantala?
Bom, o obstetra famoso Dr. Leboyer, o mesmo do parto humanizado, visitou a ìndia e ficou encantado com uma mulher sentada na rua, fazendo massagem em seu bebê, e este estava completamente calmo, mesmo no meio daquele multidão. Ele registrou toda a massagem que ela fazia e trouxe a técnica para o ocidente e nomeou-a Shantala, que é o nome dessa mãe. Ele escreveu um livro que pode ser comprado facilmente em qualquer livraria!


Antes dos movimentos, é importante preparar o cantinho da shantala para que você tenha tudo à mão e não interrompa a massagem no meio... Deixe ao seu alcance, o óleo 100% vegetal (que pode ser encontrado em farmácias de manipulação), um pires (para colocar um pouco de oleo e passar na mão, sem ter que ficar abrindo e fechando o pote), uma fralda (de pano ou descartável - para se proteger dos escapes do bebê rs), garrafa térmica com água morna e algodão (para limpar o bebê se ele fizer xixi ou coco).
Não se deve conversar com o bebê. É um momento de comunicação não-verbal, você deve estar concentrada no bebê, e não pensando na conta que tem que pagar amanhã. Desligue-se e entregue-se ao bebê.
Sente-se no chão e encoste a coluna na parede. É válido usar uma almofada como apoio para a coluna. Estique as pernas e coloco o bebê ao longo de suas pernas, com a cabeça na direção do joelho, para facilitar o contato visual. A cabecinha ficará levemente mais baixa que o corpo para melhorar a irrigação no cérebro. Para se proteger dos escapes, coloque uma fraldinha no bumbum dele e sobre a genitália, mas sem prender, apenas cobrindo!

Os movimentos (todos devem ser repetidos três vezes, usando sempre toda sua mão, das pontas dos dedos a quase chegar no pulso)
Para começar, faça uma breve energização. Passe o óleo nas mãos, esfregue-as para aquece-las e feche-as em um triângulo (como na figura abaixo), e eleve todo o braço acima de sua cabeça, inspirando, como se quisesse pegar a energia do sol, e desça expirando e quando chegar na altura do bebe faça todo o contorno de seu filho sem encostar nele, com pensamentos positivos para seu bebê.

Sempre que sentir uma dificuldade em passar a mão pelo bebê, coloque um pouco mais de óleo.

Movimentos do peito
1 - Na altura dos mamilos, coloque as duas mãos sobre o centro do peito do bebe e deslize para as laterais, embaixo das axilas.
2 - Na altura dos ombros, mas não em cima, coloque as duas mãos sobre o centro, embaixo do pescocinho, e deslize para as laterais, chegando nos ombros.
3 - Coloque suas mãos no quadril do bebê e deslize a esquerda sobre o bebe, desde o quadril até o ombro direito, fazendo um X sobre o bebe. Volte com a mão para o quadril, e faça o mesmo movimento em X, com a mão direita.

Movimentos dos braços

Para não se esquecer a professora indicou sempre começar pelo lado esquerdo. Vire gentilmente o bebê sobre o lado direito dele, deixando livre o bracinho esquerdo.
1 - Envolva o braço do bebe com as duas mãos, e suba a que ficou por cima, formando uma espécie de bracelete. Vá do ombro em direção ao punho. Desça essa mão. E suba a outra.
2 - Envolva o braço do bebe com as duas mãos, e suba-as juntamente em movimentos de rosca, em direções opostas, contornando o bracinho. Ao chegar no punho, concentre os movimentos um pouco mais, pois é uma área muito rica e merece atenção. Desça ambas até a base do base.
Movimentos das mãos
Comece pela mãozinha esquerda. Após acabar os três movimentos (cada um três vezes!), repita na mãozinha direita!
1- Com a mãozinha do bebê aberta, utilize seus polegares para massagea-la. Vá alternando o polegar direito e o esquerdo, subindo desde a base da mão até cada um dos dedinhos. Um dedinho por vez.
2- Mantenha a mãozinha dele aberta, e agora passe toda sua mão na mãozinha, desde a base até a ponta dos dedinhos.
3- Agora aperte gentilmente a potinha de cada de dedinho, do polegar ao mindinho e voltando. Indo e vindo.
Movimentos da barriga
Esses movimentos ajudam na cólicas do bebê, com a eliminação dos gases e no funcionamento do intestino. Aqui é bom se proteger! rs Pode ocorrer um "escape" rs
1- As mãos, uma de cada vez, descem da altura das costelas até a parte de baixo do abdomem, como se fossem esvaziar o ventre. Quando uma mão termina o movimento, a outra recomeça, e assim sucessivamente.
2- Com a mão esquerda, segure as pernas do bebê, mantendo-as verticalmente esticadas. Com o punho, da mão direita, massageie a barrgida da mesma maneira que no movimento anterior.
3- Agora ao invés do punho, use apenas a mão direita, lateralmente, usando toda a palma. Mantenha as pernas esticadas.

Movimentos das pernas e pés
Basicamente faz-se os mesmos movimentos que você fez nos bracinhos e nas mãozinhas. Comece sempre com a perninha esquerda para depois fazer a direita.
1- Uma das mãos segura o calcanhar enquanto a outra sobe, da virilha até o tornozelo fazendo o bracelete com a outra mão.
2- As duas mãos se movimentam em sentidos opostos, como se torcessem a perna do bebê.
3- Utilize os polegares alternandamente para massagear a planta do pé do bebê, desde o calcanhar até a ponta dos dedinhos.
4- Utilize toda sua mão, desde a base até a ponta dos dedos, deslizando sobre a planta do pé do bebê, desde o calcanhar até os dedinhos.
5- Agora, aperte a ponta dos dedinhos, um de cada vez, desde o dedão até o último dedinho e volte. Após terminar de massagear os pés, aconchegue o bebê um pouco.

Movimentos das costas
Vire o bebê de bruços sobre suas coxas, transversalmente a elas, deixando a cabeça do bebê à sua esquerda.
1- Coloque as duas mãos na altura dos ombros e desça-as até o bumbum em movimentos simultaneos alternados: enquanto uma vai do lado esquerdo para o direito do bebê a outra vai do direito para o esquerdo, encontrando-se no meio. Massageando a coluna, os rins e as nádegas do bebe. Após atingir o bumbum as mãos sobem em direção aos ombros, sempre em vai-e-vem.
2- Apoie o bumbum com a mão direita e desça com a outra, desde os ombros até o bumbum, vigorosamente. A mão direita servirá de base, opondo-se à pressão da mão esquerda. Ao final, recomece o movimento pela nuca.
3- Agora a mão direita segura os pezinhos, mantendo as pernas esticadas e ligeiramente elevadas. A mão esquerda continua a percorrer as costas do bebê, estendo-se agora até os calcanhares do pé. Recomece o movimento pela nuca. Não se preocupe, a cabeça ficará mais baixa que os pezinhos para ajudar a oxigenar o cérebro do bebe.
Movimentos do rosto
Nesses exxercícios, não recoloque o óleo em suas mãos e tente retirar o excesso com a fraldinha de pano do cantinho da shantala.
Deite o bebê de barriguinha pra cima, do mesmo modo que antes (cabeça na altura dos joelhos e pés voltados pra você).
1- Partindo do centro da testa, seus dedos (os três maiores) deslocam-se para os lados, contornando as sombrancelhas. Pare na altura dos olhos. Volte para a testa e desça pelo mesmo caminho de antes, só que seus dedos vão até as bochechas. Volte para a testa e desça novamente, agora indo até o queixo.
2- As mãos fixam-se nas têmporas e os polegares vão para os cantinhos do nariz, em sua base. Faz-se uma leve pressão. Depois libera a pressão, sobe com os polegares (sem tirar as mãos das têmporas) até a testa, pelo meio dos olhos do bebê, desce, passando novamente pelo nariz e vai até os cantinhos da boca. Volte para os cantinhos do nariz e recomece.
3- Com os polegares, feche levemente os ohos do bebe e desça contornando o nariz e a boca.

Movimentos adicionais (similares ao Hatha-Yoga)
1- Segure as mãos da criança e cruze os braços na altura do peite, depois abra-as e torne a cruza-las. Cada vez um braço por cima.
2- Segure um dos pés e a mão do lado oposto e cruze-os. Alterne com o par oposto.
3- Segure os dois pés do bebê e cruze-os na altura da barriga. Estenda-as e volte a cruza-las. Como se o bebê estivesse em posição de Lótus.

Banho relaxante
Um relaxante banho de imersão é bem-vindo. Com água morna (~37ºC), coloque o bebê na água, mantendo sua mão esquerda aberta e relaxada. Apoie os dedos na axila do bebê para ele não escorregar. Se sentir necessidade, sustente as nádegas dele com a mão direita.com apenas o rostinho e os ouvidos do bebê de fora, elimina as tensões que ainda possam existir no corpo dele e retira o excesso de óleo. Segure-o por baixo e deixe-o flutuar por entre cinco e dez minutos.

Fonte: curso de gestante (Patrícia Souza), http://bebe.abril.com.br/0_12/saude/shantala.php e http://www.acessa.com/viver/arquivo/vida_saudavel/2003/12/26-shantala/movimentos.php.

Nenhum comentário:

Postar um comentário