segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Dor na coluna

A novidade agora é dor na lombar. Ai ui ui!
Como pode?? Ok, começando 7 meses e a barriguinha crescendo cada vez mais! E a tendência é piorar!
[ironia] "Que bom né?" [/ironia]
Li num site bem legal (Ossos do ofício):
"A presença de dor nas costas é um dos problemas mais comuns durante a gravidez. Estima-se que entre 50-80% das mulheres grávidas, o aparecimento de algum tipo de dor lombar é inevitável.(É justamente onde o bicho tá pegando!!). (...)

Existem três tipos mais comuns de dor nas costas durante a gravidez:
1. DOR LOMBAR
Localizada na região inferior da coluna, pode ou não, sentir a dor irradiando para a perna, com contratura da musculatura ao longo da coluna.  Piora com fato de permanecer muito tempo sentada ou em pé. (Eu trabalho o dia inteiro sentada...)

2. DOR PÉLVICA POSTERIOR (SACRO-ILÍACA)
Quatro vezes mais freqüente do que a dor lombar, a dor que acomete a articulação entre o sacro (final da coluna que se alarga) e a bacia, chamada de articulação sacro-ilíaca. A dor estende-se para os glúteos e região posterior da coxa, não ultrapassando o joelho. Pode ser bilateral e estar associada com dor na sínfise púbica.  A dor não desaparece rapidamente com o repouso e geralmente persiste por um certo tempo após o nascimento da criança. 20% das mulheres apresentam tanto a dor lombar como a dor da sacro-ilíaca.

3. DOR NOTURNA
Algumas mulheres grávidas apresentam dor exclusivamente durante à noite quando deitadas.
Esta dor estaria relacionada com o acúmulo de fadiga muscular no final do dia.
Outra hipótese é que, durante a noite, com a desativação de vários órgãos, como por exemplo, o estômago, existe uma maior quantidade de sangue circulando para áreas “inflamadas” da coluna.

(...)

TRATAMENTO
No passado as mulheres tinham que aceitar a presença da dor nas costas, simplesmente, como parte do processo da gestação. Hoje em dia sabemos existem causas específicas com tratamentos mais específicos.
O objetivo é manter uma boa função durante a gestação com o mínimo de desconforto.
Lembrar da contra-indicação da realização de radiografias e do uso de anti-inflamatórios durante a gravidez!
  • Repouso de lado com um travesseiro entre as pernas - OK!
  • Aplicação de gelo / calor
  • Massagem - OK!
  • Analgésico apropriado por períodos curtos após o terceiro mês 
  • Acupuntura após o trimestre
  • Uso de uma cinta pélvica
  • Exercícios de relaxamento e alongamento
  • Fortalecimento das estruturas musculares que sustentam o peso
  • Trabalho postural / contrabalançar a lordose excessiva
  • Condicionamento do modo correto de exercer as rotinas diárias
  • Hidroterapia
  • Yoga - OK!
EVITAR
  • Evitar carregar peso
  • Evitar exercícios físicos extenuantes - OK!
  • Evitar “step” - OK!
  • Evitar mergulho - OK!"

     Vou tentar fazer tudinho que está  no tratamento, menos a parte de analgésico, pois a gente não deve se automedicar!!!
    Depois eu falo se melhorei ou não...

    Um comentário:

    1. Ai, ninguém merece. Eu nemcomento, porque tenho dor em tudo! ahahaha

      ResponderExcluir