terça-feira, 16 de março de 2010

Amamentação

Bom, estou devendo um post sobre a amamentação, será que consigo escrever tudo aqui agora?

Amamentar tem seus altos e baixos.
A Jade pegou bem o seio desde o início, umas 3h depois do parto (nem me lembro... estava sem relógio! rs). As enfermeiras da maternidade ajudaram bem neste quesito, a fazer a pega correta, etc. No início ela não se adaptou a posição comum, que é de frente pro seio, deitadinha:
e testamos a posição bola de futebol americano, onde o bebe fica no seio com o corpinho embaixo do braço na mãe:

Mas isso foi só no primeiro dia, e logo ela aprendeu a mamar até de cabeça pra baixo.
Eu não fiz preparação do seio em momento algum da gravidez, graças a Deus, não tive problemas de bico do seio invertido. Rachaduras não apareceram, porque desde o início passo Lanidrat (indicação da neonatologista). Até hoje, um mês e pouco depois, ainda passo o Lanidrat a noite. Às vezes a Jade o machuca mordendo o bico porque está soltando gases mas nada demais. Fica um pouco dolorido sim, mas nada que 10 minutos de descanso não resolvam!
Amamento a pequena de 3 em 3 horas (a contar a partir do momento que ela larga o seio) de dia e a noite a deixo a vontade para ver se ela acostuma logo a dormir a noite toda. Tem dia que vai de 3/3 mas já chegamos a 5h!! Um feito! rs
Deixo a Jade tentar esvaziar o seio, o que ela ainda não conseguiu! rs Pois o leite materno é composto de fases, a primeira mais rala, onde vão os anticorpos e mais aguado. A medida que o bebê vai sugando o leite vai ficando mais grosso e rico em gorduras, que é o que sustenta o bebê e engorda. Para isso a Jade fica no seio entre 20-40 minutos, dependendo de sua fome. Deixar o bebê mamar mais que 45 minutos significa que você virou chupeta... rs Mas deixar o bebê mamar menos de 10, ele só tomou o leite ralo, que é rico em ocitocina e logo vai o bebê dormir, mas logo ele vai acordar com fome e você vai ficar cansada!!
Tenho tido tanto leite que enquanto dou de mamar num seio o outro vaza. O que ajuda bem é usar uma concha de amamentação, que retem o leite vazado. Eu uso as conchas da Avent. Eu sempre descarto esse leite, até poderia guarda-lo, mas para isso tem que ferver a concha, preparar o seio, e raramente consigo tempo hábil para fazer isso...

Confesso que amamentar de madrugada quando se está cansada pode ser um pouco estressante e temos que nos afastar do bebe para não deixa-lo irritado e voltar 5 minutinhos depois, mais animada.
Já me passou na cabeça amamentar com leite artificial (tipo NAN ou Aptamil) à noite, mas penso nas cólicas que poderão surgir e deixo a ideia em stand-by. Mas o NAN 1 está na despensa em caso de emergência.
Amamentar está sendo uma experiência muito boa. É bom ter esse contato com seu filhote, olhar em seus olhos, sentir suas mãoszinhas e ver seu rápido crescimento. Ainda mais quando seu bebê engorda a olhos vistos e tudo com mérito seu.
Se você puder ter essa experiência, amamente sim!!!
Mas se não puder, como tenho amigas que não puderam, não se torture, hoje em dia os leites artificiais são muito bons e a imunidade pode ser reforçada com a vacinação. O que importa é que você ame seu bebê de forma plena e absoluta!

Sobre a gente:
A Jade pegou um resfriadinho esse final de semana e já está melhorando...

Um comentário: