sábado, 30 de março de 2013

O parto - Apoio do marido

Não estou aqui hoje para falar sobre os tipos de parto... Quem sabe um dia, não é mesmo? rs

Na vida da gente, a gente sempre idealiza tudo. Por mais que não se queira ou se negue, a gente tem um "script" para nossa vida, nossos momentos. E isso não é diferente quando a gente sonha com o nosso parto, principalmente quando a gente deseja muito vivenciá-lo: vai negar que algum dia você não sonhou que iria acordar com a bolsa rompida, e que se voltava para o marido correndo e dizendo: "Acorda, o bebê vai nascer!"?

Mas para decidir o modo como você vai fazer o seu parto, se você vai delegar este poder ao médico ou se você vai ser a protagonista do mesmo, você precisa ter um ponto de apoio, um colo, e onde a gente geralmente busca esse ponto de equilíbrio? No marido, não é mesmo?

Somente com vocês dois unidos é possível tomar qualquer decisão que envolva essa pessoinha que vocês dois vão ter. Você quer muito uma coisa e ele não quer, por não acreditar nas mesmas coisas que você, por ter medo do que pode acontecer, do desconhecido? Mas como você vai saber? Só conversando. É importante a gente trazer o marido para perto da gente durante a gravidez, para que ele crie o vínculo com o bebê o quanto antes, e não apenas após o nascimento do rebento.

Veja vídeos do tipo de parto que você planeja, pois mesmo que seja uma cesárea, você quer que ele seja forte e esteja lá com você, ao seu lado. Se for um parto humanizado então, que ele tem que ser mais parceiro ainda, estar lá com você, lhe amparar, lhe compreender, sem recriminar.

Traga seu marido para seus pensamentos, ouça seus medos, estude-os juntos, leve-o com você para as consultas obstétricas para saber e entender o que vai e pode acontecer durante o trabalho de parto e o parto em si. Somente assim, juntos, vocês dois vão conseguir viver a melhor experiência da vida de um casal: presenciar o nascimento de seu filho, seja do modo que você escolheu, mas do jeito que vocês decidiram juntos.

Ter o apoio do marido é essencial para ter uma boa experiência de parto. Ter um companheiro, um amigo, para poder confiar-lhe seus medos e suas alegrias. Juntos vocês vão ver o quanto valeu a pena!

Nenhum comentário:

Postar um comentário